Faculdade Teológica das Assembléias de Deus

 
 
Ver mais resumos de: Satanismo Na Igreja

Oração é o meio pelo qual falamos com Deus, ou para adorá-lo, ou para pedir alguma coisa, ou para interceder por outrem. Classificamos as orações em conformidade para quem elas são direcionadas: a Deus, a nós mesmos, ou a terceiros. Quando oramos a Deus, os tipos de orações são de Ações de Graça (reconhecimento e gratidão), Louvor (pelo que Ele faz) e Adoração (exaltando-O pelo que Ele é). Quando oramos por nós mesmos, fazemos Petições em conformidade com a Palavra de Deus, ou podemos Entregar algum cuidado ou inquietação ao Senhor, ou ainda, Confessamos pecados e fraquezas. Quando oramos pelos outros, fazemos o papel de intercessores, nos colocando no lugar do outro.
Essas orações podem ser realizadas sozinhos, você e Deus (Privada) ou com a participação de outras pessoas, seja em pequena quantidade, dois ou três (Concordância), ou com o Corpo de Cristo (Coletiva). Sempre tendo o Espírito Santo (orando em espírito em todo tempo e vigiando nisso com perseverança) e a Palavra de Deus como auxílios (a vontade de Deus deve ser soberana em nossa vida, assim ele nos ouve).
Quando oramos, podemos usar a autoridade que o Senhor nos deu para combater o inimigo, seja na autoridade do nome de Jesus, seja na confirmação e tomando posse da Palavra de Deus, tendo a certeza da cobertura do sangue de Jesus sobre nossas vidas e no poder do Espírito Santo.
Devemos estar atentos para os motivos que tornam nossas orações sem respostas: relacionamentos destruídos, falta de perdão, contendas, motivação errada, pecados não confessados, ídolos no coração falta de generosidade, e por último dúvidas e incredulidade, por falta de conhecimento da Palavra de Deus.
A Palavra nos admoesta a orarmos em todo tempo no espírito, com toda oração e súplica e vigiando nisso com toda perseverança (Efésios 6:18).

Autor: Kelsilene Lisboa Monteiro Lisboa
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Tweet

(Classificação Média 4 com base em 1 votos)

Ver mais resumos de: Satanismo Na Igreja

OUTROS RESUMOS DE

Veja abaixo outros resumos de .

RESUMO DE ADMINISTRAÇÃO ECLESIÁSTICA

O conceito geral de administração se resume em duas palavras: gerenciamento e organização.
Segundo os estudiosos Stoner e Feeman, Administração é o "processo de planejar, organizar, liderar
ver mais


Na realidade a homofobia é o nome dado ao comportamento que uma pessoa tem em relação a outra pelo fato de ser homossexual. Sentimento de aversão que faz com quem reprova tal pratica queira agredir fisicamente. É apenas um projeto de lei
ver mais


A ocupação do pastor é pregar a palavra com toda sua força, mesmo que para muitos lhes pareça loucura, foi essa a missão que Deus o designou. Por intermédio da explanação da palavra de Deus, pecadores se convertem e a mesma também
ver mais


A igreja modelo é a igreja que vive em santidade.
Deus não abençoa quem vive no pecado, "sede santos porque eu sou santo" (1 Pedro 1:16).
Jesus é o grande construtor da igreja, Somos iguais a Jesus quando nossas atitudes condizem com
ver mais


A palavra autoridade no grego, significa: direito de mandar (ecsusia).
Toda autoridade vem de Deus e Ele delega ao homem.
O diabo tendo usurpação de ser como Deus se rebela, dando inicio a origem ao pecado da rebelião.
Deus cria o homem,
ver mais


Veja todos os resumos de: Satanismo Na Igreja

 
 
 

Ver outros Alunos pela primeira letra do nome: