Faculdade Teológica das Assembléias de Deus

 
Não Perca!
 
Ver mais resumos de: Satanismo Na Igreja

DA PRISÃO ESPECIAL PARA MINIÍSTROS RELIGIOSOS


Prisão Especial: O que é? E quem tem direito?
A Lei Brasileira Prevê, em clara violação ao principio da isonomia, duas classes de pessoas presas.
Mas quem tem direito, segundo o CPP, a Prisão Especial?
Diz o art. 293 do Código de Processo Penal: “Será recolhido a quarteis ou a prisão especial, à disposição da autoridade cometente, quando sujeitos a prisão antes de condenação definitiva”.
Vlll – Os Ministros de confissão religiosos;
§ 2º Não havendo estabelecimento específico para o preso especial, este será recolhido em cela distinta do mesmo estabelecimento. (cela comum)
§ 4º O preso especial não será transportado juntamente com o preso comum.
§ 5º Os demais direitos e deveres do preso especial será os mesmos do preso comum.
E qual a natureza jurídica da Prisão Especial?
A prisão especial não pode ser considerada modalidade de prisão cautelar. Cuida-se, na verdade, de especial forma de comprimento da prisão cautelar. Com efeito, segundo o disposto no art. 295 do CPP, só há falar em direito à prisão especial quando o agente estiver sujeito à prisão antes de condenação definitiva. Logo, com o trânsito em julgado, cessa o direito à prisão especial, sendo o condenado submetido ao regime ordinário de cumprimento da pena, ressalvada a hipótese do art. 84, § 2º, da LEP, referente ao preso que, ao tempo do fato, era funcionário da administração criminal, o qual deverá ficar em dependência separada dos demais presos. A prisão especial pode continuar em alojamento coletivo, atendendo os requisitos de salubridade do ambiente, pela concorrência dos fatores de aeração e condicionamento térmicos adequados à existência humana (CPP, art. 295. § 5º).
A Lei de Execução Penal (art. 88, paragrafo único, da Lei nº 7.210/84, são requisito básicos da unidade: dormitório, aparelho sanitário e lavatório, além de uma área mínima de 6 m² (seis metros quadrados).

Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Tweet

(Classificação Média 4 com base em 1 votos)

Ver mais resumos de: Satanismo Na Igreja

OUTROS RESUMOS DE

Veja abaixo outros resumos de .

RESUMO DE ADMINISTRAÇÃO ECLESIÁSTICA

O conceito geral de administração se resume em duas palavras: gerenciamento e organização.
Segundo os estudiosos Stoner e Feeman, Administração é o "processo de planejar, organizar, liderar
ver mais


Na realidade a homofobia é o nome dado ao comportamento que uma pessoa tem em relação a outra pelo fato de ser homossexual. Sentimento de aversão que faz com quem reprova tal pratica queira agredir fisicamente. É apenas um projeto de lei
ver mais


A ocupação do pastor é pregar a palavra com toda sua força, mesmo que para muitos lhes pareça loucura, foi essa a missão que Deus o designou. Por intermédio da explanação da palavra de Deus, pecadores se convertem e a mesma também
ver mais


A igreja modelo é a igreja que vive em santidade.
Deus não abençoa quem vive no pecado, "sede santos porque eu sou santo" (1 Pedro 1:16).
Jesus é o grande construtor da igreja, Somos iguais a Jesus quando nossas atitudes condizem com
ver mais


A palavra autoridade no grego, significa: direito de mandar (ecsusia).
Toda autoridade vem de Deus e Ele delega ao homem.
O diabo tendo usurpação de ser como Deus se rebela, dando inicio a origem ao pecado da rebelião.
Deus cria o homem,
ver mais


Veja todos os resumos de: Satanismo Na Igreja

 
 
 

Ver outros Alunos pela primeira letra do nome:




 
 
Dúvidas? Chame no Whats!